SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE

Governo do Estado de Alagoas

Assistência Farmacêutica

A Assistência Farmacêutica tem a finalidade de contribuir para o acesso aos medicamentos e produtos para a saúde, promovendo o seu uso racional, a descentralização e o fortalecimento da gestão da Assistência Farmacêutica em Alagoas. Ela deve ser compreendida como política pública norteadora para a formulação de políticas setoriais, entre as quais destacam-se as políticas de medicamentos, de ciência e tecnologia, de desenvolvimento industrial e de formação de recursos humanos, garantindo a intersetorialidade inerente ao Sistema Único de Saúde (SUS) e cuja implantação envolve tanto o setor público como privado de atenção à saúde.

Horário de Funcionamento: das 7:30h às 16:30h (atendimento suspenso no último dia útil de cada mês)
Endereço: R. Oldemburgo da Silva Paranhos, 830 – Farol, Maceió – AL, 57055-320
Telefone: (82) 3315-6109

 
 
Relação Nacional de Medicamentos Essenciais - Rename

O que é Rename?

O acesso aos medicamentos essenciais constitui um dos eixos norteadores das políticas de medicamentos (Portaria GM nº 3.916, de 30 de outubro de 1998) e de assistência farmacêutica (Resolução CNS nº 338, de 6 de maio de 2004).

Os medicamentos são a intervenção terapêutica mais utilizada e constituem uma tecnologia que exerce alto impacto sobre os gastos em saúde. Portanto, é fundamental ao Sistema único de Saúde (SUS) que o processo de sua incorporação esteja baseado em critérios que possibilitem à população o acesso a medicamentos mais seguros, eficazes e custo-efetivos, para atendimento aos principais problemas de saúde dos cidadãos brasileiros.

Nesse sentido é que o Ministério da Saúde reafirma a relevância da Relação Nacional de Medicamentos Essenciais (Rename), um elemento técnico-científico que oriente a oferta, a prescrição e a dispensação de medicamentos nos serviços do SUS.

 

Fonte: Ministério da Saúde.